Sentimentos estranhos

  Sério, Jorn é muito phoda, escutem Hands of your God, e sintam o verdadeiro poder do heavy metal... meu sangue vibra, e o mundo estremece ante as notas emitidas pela guitarra, e as palavras estrondosas de Jorn...
 E ao som épico, venho anunciar uma parceria épica. Aline, do blog Sentimentos Estranhos é nossa nova aliada, nessa escalada rumo ao topo, a dominação mundial!





"O que é ser poeta?
O que é ser desajustado de verdade?
Por que sentir tudo a flor da pele?
Não dá pra querer morrer
Eu sou mesmo exótico?
Eu tenho que querer?
Mergulhar no fundo do poço
Me diga, por que não sorrir?
Sem certezas e porquê?
Você me faz rir
Mas eu não devo ver?
As suas razões de ir e vir?
Só perecer sem dormir."


É isso ai pessoal, quero acessos diários ao blog dela. E não se esqueçam de comentar hein?

Capitão América Civil War

   Eae galera, depois de mil anos, a Marvel liberou o 1º trailer da Civil War, confiram:

 

Esse sem duvidas, vai ser um filme sensacional. Jyuuken está em lágrimas aqui...

Podcasts

 Uma das grandes maravilhas dessa internet de meo deos, são os podcasts.Nesse ano que foi tenso para karaleo, foram os podcasts meu ponto de escape, escutar os papos mais malucos e engraçados preso no trânsito, ou enrolado no trabalho foi, de certa forma, terapêutico, eu diria.
 Não faz muito tempo que escuto, mas sinto uma obrigação moral de compartilhar, então irei listar aqui, os podcasts que eu escuto.

 Para começar, o que é podcats? Uma rápida googlada, e temos que "podcast é o nome dado ao arquivo de áudio digital, frequentemente em formato MP3 ou AAC (este último pode conter imagens estáticas e links), publicado através de podcasting na internet e atualizado via RSS. Também pode se referir a série de episódios de algum programa quanto à forma em que este é distribuído."

 Dito isto, bora começar a minha lista.

Mdm - Melhores do Mundo

http://melhoresdomundo.net



 Meu podcast favorito. Comandado por Hell, Change, Ultra e Nerd Reverso, falam muito sobre quadrinho e adaptações para cinema. São completamente malucos, desorganizados, bocas sujas, e muito, mas muito divertidos! Não tem o rabo preso pra falar de nada, e as discussões e escapadas da pauta nunca tem limites.


99 Vidas

http://99vidas.com.br


 Jurandir Filho, Izzy Nobre, Evandro de Freitas e Bruno Carvalho comandam esse papo sobre games, desde os mais clássico aos mais recentes. Muita gente na internet diz que o Jurandir é um mala, mas eu discordo, ele é muito engraçado. Jogos honestíssimos são abordados aqui, e é claro, a eterna guerra dos consoles também é travada pelos membros do cast, nos rendendo pérolas, grandes pérolas...

 Papricast

http://www.papricast.com.br


 Esse veio de indicação do Barbossa. Não tão conhecido (eu acho), Marton Santos, Leonardo Santos e Jaison Mafra falam sobre cinema, as vezes sobre séries e quadrinhos também.Com muitos "Bah", e "tribom", é um ótimo cast, eles são tão empolgados quanto eu pra falar de certos assuntos. E deles vem a Faixa Comentada, uma das melhores coisas que existem, procure e confira.

Braincast

http://www.b9.com.br/podcasts/braincast/


 Os nobres baixareis do podcast, possuem uma grande família de podcast sobre os mais variados temas, a famosa família b9, da qual eu só escuto o pai (ainda não tive tempo de ver os demais), Braincast é sobre publicidade? Não sei bem se dá pra definir o tema desse podcast, só sei que é muito bom ouvir as risadas de Carlos Meirigo, Guga Mafra, Luis Yassuda e Criss Dias... na verdade acho que tem mais membros...

 Inonimata 616

http://www.marvel616.com



 De marvecos para um marveco, o pessoal do Marvel 616, liderados pelo coveiro (sim, eu não lembro o nome dos outros membros) discorrem sobre grandes histórias da marvel, as adaptações, e sem reclamar que os "filmes da marvel tem muitas piadinhas"...

Rapaduracast

http://cinemacomrapadura.com.br/rapaduracast-podcast/


 Mais um podcast de cinema, mais um podcast do Jurandir Filho. Falam sobre velharias, sim, mas comentam pontualmente os grandes blockbusters também. Se empolgando com cada notícia, eles tem grandes discussões muito engraçadas.

 CronoCast

http://cronologico.com.br/podcast/cronocast/

 Um podcast sobre história. Engraçado, irreverente e fascinante, pra quem curte é uma ótima pedida. Já falaram sobre Arthur, piratas, Vikings, guerra fria... enfim, é um prato cheio de conhecimento e bom humor.

 Canal 42

http://canal42.tv


 Olha o Jurandir Filho ai de novo! Dessa vez, o papo é sobre séries. o programa deles geralmente é dividido em dois blocos: um sem spoilers, pra quem não viu as séries abordadas se interessar, e o bloco de spoilers, onde eles analisam cada acontecimento, claro, dizendo muita besteira.

Nerdcast

http://jovemnerd.com.br/categoria/nerdcast/


 E é claro, o podcast do Jovem Nerd e Azaghal, o primeiro que escutei. Hoje em dia quase não acompanho mais, porém, recomendo muito, principalmente os especiais de Rpg.

 Existem muitos outros, sobre os mais variados temas. Eu mesmo, pretendo expandir essa lista. E deixo aqui um jaba pra minha amiga Slice, que anda ensaiando o lançamento do The Cast, não sei quando sai, mas deixo os links para seguirem, fiquem atentos para novidades:

Soundcloud
Twitter


 E é claro, entre todas as novidades que eu venho prometendo, não poderia faltar nosso próprio podcast... quando menos esperarem, o Xcast irá surgir... um podcast para a todos dominar...

 Até a próxima!

Playstation 4 Remote Play para PC

 
  Eae Galera, para quem não sabe,Remote Play é um recurso que permite transmitir os jogos rodando no console diretamente na tela do seu smartphone, e recentemente o desenvolvedor Twisted, criou o aplicativo para PC, que será disponibilizado para download no dia 25 de novembro.
 O aplicativo custara £6,50 que com o câmbio atual deve dar umas 400 dilmas...
 Agora confira uma gameplay no PC de Infamous  First Light:

            

 É isso ai galera,  deixem um comentário...  O que acharam do novo banner?  Jyuuken promete mudanças, então fiquem ligados e até a próxima!

Beast Of No Nation

No seco, se eu colocasse um subtitulo para esse filme seria, você não tem direito de reclamar da sua vida ou sua infância, o subtitulo é meio grande? Sim!, mas acredito que um bom filme te trás sentimentos ao témino, e foi isso o que senti quando vi essa Obra, não sei dizer se é prima, mas o primeiro filme da Netflix acredito que tenha superado as expectativas. Claro que ele não arrecadou Bilhão, mas pelo que li, eles não ligaram muito para isso.

E ai como foi sua infãncia? (estou meio nostalgico ultimamente, mas dessa vez fará sentido, ou não) deixe me adivinhar bolinha de gude, futebol, amarelinha, pega-pega, esconde-esconde, pular corda, balanço,cabo de guerra, metiolate que arde, o que não arde. Garanto que algumas dessas brincadeiras você com certeza deve ter feito, mas imagine essas pequenas coisas que lhe trazem tantas lembranças boas, agora imagine isso sendo tirado de você e no lugar te derem uma arma.




E assim começa as aventuras de Agu, um garoto de uns 13 anos (acho), que vive na Africa do Sul com mamãe,papai e seus irmãos, ele é um garoto alegre, feliz com a vida, que apesar de tudo deve enxergar um futuro , mas em seu querido país a galera está tacando a putaria, ou seja guerra civil, e começa aquele banho de sangue,(pois é um filme de guerra, tem que ter isso) Agu Vive em uma vila que não foi atingida pelo derramamento de sangue, mas chega uma hora que o baguio fica louco e da merda, as tropas do "governo" invadem mata uma galera, mata mais um poucou, mais um pouco, até chegar em Agu e sua família (pai e irmão,a mãe fugiu, spoiler, desculpe), alguns morrem e Agu foge, só que ele acaba sendo capturado pela forças contrárias ao governo, onde conhece o Comandante.

Personagem caricato e interessante, para alguns que o seguem seria um pai, ele simpatiza com Agu e começa a ensinar o garoto, mas os deveres são matar, saquear, emboscar e vários outros.

Realmente eles retiram o garoto do corpo e de certa forma colocam um homem que é capaz de matar sem piedade, vemos como um garoto é transformado em uma máquina de matar, o desfecho disso? só assistindo para saber, mas acredito que quando terminarem de ver terão um pensamento parecido com o meu, ou não.

The new age

 Fala galera, eu sou o novo membro daqui, meu nick será Rpg, e adivinhem o por quê? Estarei trazendo a vocês conteúdos únicos de minha vasta galeria de conhecimentos desse antigo jogo que todos adoramos!
 O que? Não sabe do que estou falando?




 Não prometo datas, mas estarei trazendo muito conteúdo sobre esse fascinante mundo nerd. Então, espero que apreciem meus posts, por hora é isso galera. Ah, o chefe mandou avisar que uma nova era está próxima, um novo Cronicaex está chegando... (eu acho que essa novidade toda é um banner)

9 D Abril

E ae E aee, salve saldosa galerinha, mais uma vez aqui, sei que o Post anterior ficou confuso, se eu irei explicar aqui? Não!
Bom venho aqui humildemente lhes mostrar mais um filme de Guerra que acredito que vocês não tenham visto, e claro sobre o tema que mais gosto WWII. Sou um entusiasta de segunda guerra, então todo assunto relacionado a segunda guerra me interessa, vejo filmes, americanos,russo,poloneses, japoneses e agora um filme dinamarquês. Sim muito louco, não sou cinéfilo, não fico atrás de filmes cults, e tenho ainda grandes obras que não vi (ainda verei, não sei),

Então chega de enrolar e lá vamos nós, o filme nos mostra a Operação Weserübung, na qual a Alemanha Invade Noruega e Dinamarca Instantaneamente, com a desculpinha de protege-las de uma possível invasão da França e Inglaterra (hahahahahahaha,risos).



O filme foca principalmente no subtenente Sand, na qual ele é líder do 2°batalhão de bicicletas, sim isso mesmo BICICLETAS, onde um de seus treinamentos era trocar um pneu em menos de 2 minutos, ok a Dinamarca não é um país continental. mas Man ta de brincadeira? Bikes? contra os Panzers? como você tem coragem de tentar se defender com Bikes?, (Para curiosidade,as bicicletas foram usadas muito bem pelos japoneses contra os ingleses na batalha da Málasia,mas ali fazia sentido)

Mas era o despreparo que ficou em evidência do filme, onde para cada soldado foi dado 40 balas para defender a fronteira, havia algumas metralhadoras, mas contra blindados o que eles tinham não era eficaz. Mas a coragem dos jovens dinamarqueses te ganha durante o filme, jovens ali talvez mais novos que eu, começando seus sonhos, pensando em qual garota da sua vila ou cidade vai começar um namoro, lutando com 40 balas e um fuzil, deixando o medo de lado,lutando, e atirando contra os blindados alemães e defendendo sua casa,família,amigos. A batalha não dura muito tempo, pois a Dinamarca não se preparou para o campo de batalha que se tornaria a Europa, o desfecho não vou citar pois o momento de tensão no final e da batalha faz o filme te ganhar, garanto que serão 90 minutos bem gastos.

Saudosista

 Tirando as teias do teclado e mouse, e voltando a postar, ou retornando use o verbo que achar melhor, na verdade eu que deveria escolher melhor pois eu que estou digitando. Escolher, mais um verbo para ser usado todos os dias, o que você escolhe #PrayForParis ou #PrayForMariana ?
 Não, você não pode escolher os dois, escolha um, defenda seu ponto de vista com bobagens, crie textos enormes sendo feminista,machista, iluminista,fascista,DCnista,Marvenista, Livro>filme nista.
 Realmente essa Tal Interneta, nos surpreende e nos assusta ao mesmo  tempo, quando vejo isso começo a lembrar dos velhos tempo. Onde você podia passar o dia na rua, mas a regra era voltar antes de escurecer, mas as vezes a regra não era cumprida, e a juíza já esperava no portão com o chinelo na mão para cumprir a sentença.
 Onde brigas eram resolvidas a dois, e quem chorar primeiro perde (nunca ganhei), mas no outro dia estávamos ali conversando e brincando junto. Quando era uma alegria acordar as 8:00 e ver os desenhos no SBT, enquanto a mãeeee faz aquele samduba na chapa, sim aquela que  fazia um pão só que esquentava direto no fogão.


E o Futebol, haaa o futebol  se estamos em 2 tem jogo, em  4, em 5 (um fica de próximo, e deve buscar a bola caso a rua for uma descida), 6, 7. As regras todos lembram, 10 minutos 2 gols, empate se tiver mais de dois times esperando pra jogar sai os dois, jogo terminar se o dono for embora com a bola? JAMAIS, ou ele empresta ou sofrerá as consequências, e era resolvido ali na hora. Aquela falta mais dura, que sempre acabava em confusão e todos entravam no meio.
 Queimada onde você só jogava para fazer algo com as meninas, já que perdi o BV com 10 anos, até lá eu namorava com a pessoa sem ela saber e só de se fazer alguma atividade com ela já bastava, mas ai que tá você não era bom na queimada, ela é melhor que você, e acabará sempre sendo o primeiro a ir para o cemitério, que no momento não tem nada demais, até o dia que você vai lá para realmente ver o por que os humanos o criaram. Mas voltando ao jogo, tem aquele que joga a bola um pouco mais forte, acaba acertando o nariz e acaba como? em tretaaaa.
  Mas elas sempre se resolviam no mesmo dia ou no máximo na tarde seguinte, talvez esteja ai meu saudosismo nas coisas que se resolviam com simplicidade, sem complicações, onde você mandava alguém tomar no orifício anal sem se preocupar, na verdade só uma de sua mãe ouvir, essa é minha saudade, sermos simples.
 

Batman ano um

 The Last of Us é um jogo envolvente. Na era passada, fui um caixista, e não pude jogar o exclusivo da Sony (afinal, não sou rico o bastante para ter os dois consoles), e agora que me converti ao sonysmo, me senti na obrigação de jogar este marco para a história dos games. E é tudo muito profundo, as expressões e interações dos personagens, a história, os cenários... ah, como estou adorando este jogo! Meu irmão, o Kaito (responsável pela minha conversão) tá lançando uma série de vídeos sobre este jogo, e já lançou o segundo capítulo:




 Deixando esse mundo devastado de lado, hoje decidi dar a devida atenção para as animações da Dc. Graças ao Raphael, que baixou as animações, e me passou metade delas (ô cara imprestável), eu finalmente comecei a vê-las. E nada melhor que começar com Batman: Ano um.





Lançado em 2011, tem seu roteiro baseado na hq do mesmo nome, que conta o começo da atuação, não só do morcego, mas também do Gordon, que acabou de ser transferido para Gothan. A cidade está tomada pelo crime e corrupção, algo que já estamos acostumados a ver nessa cidade maluca.
 Gordon é dublado por Bryan Cranston, o moderfucker Heisenberg, e só isso já vale o filme! O Gordon porradeiro mostra aos criminosos que o Batman não é o único a ser temido!

 Não li a hq (sim, eu tenho muitas dívidas com a sociedade nerd), mas esse longa ficou muito bom! E dá pra ver de onde o Nolan tirou suas referências
para fazer o Batman Begins. É legal ver um Batman amador tomando porrada...




 Mas então, Bruce passou doze anos fora, e retorna a Gothan sem nenhuma idéia de como irá fazer a
diferença. A morte de seus pais ainda o assombra, e tudo que ele quer é melhorar a sua cidade natal. É claro que vemos os pais dele serem mortos mais uma vez (é tipo o tio Ben, deve ter cansado de tomar tiro).




A principio, ele apenas se maquia(kkkkkkkkkk, ele é a noite,afinal), mudando um pouco de sua fisionomia, enquanto anda pelas ruas, fazendo reconhecimento.  Acaba entrando na porrada com Selina, toma facada, tiro, e acaba sendo preso...

 E quanto a Gordon, os demais peixes grandes da polícia de Gothan começam a se sentir
incomodados com sua honestidade. E qual a melhor forma de quebrá-lo? Ameaçar sua esposa grávida, é claro!

 O filme tem boas cenas de lutas, se desenvolve rápido, sem perder tempo com nada massante, e quando nos damos conta, a pancadaria com o Batman já tá correndo solta! As cenas de terror psicológico que o herói causa são muito phodas!

 Sem dúvidas, em questão de animações, a Dc está na frente. Bom, deixe-me ir, que agora tenho que ver O filho do Batman, até a próxima!



←  Anterior Proxima  → Inicio

Seguidores

Total de visualizações

Link-me

CronicaEx
Connection -

Parceiros

Popular Posts